11 Set 2014 a 13 Set 2014

Graveyard, System 7 e Born A Lion, entre outros, entram no cartaz do Festival Reverence Valada

Graveyard, System 7 e Born A Lion, entre outros, entram no cartaz do Festival Reverence Valada

O Festival Reverence Valada continua a somar motivos de interesse ao seu cartaz e prevê tornar-se num evento sem precedentes na história da música em Portugal. Os nomes que hoje se revelam sobre o cartaz dos dias 12 e 13 de Setembro, vem reforçar um conceito multifacetado que inclui as culturas do ambient e psy-techno, do hard rock, da cultura psych, do rock n’ roll, etc:

Graveyard (SE)

Os Graveyard são das presenças mais discretas no circuito rock internacional, e ainda assim uma das poucas bandas europeias a justificar digressões regulares nos Estados Unidos. No princípio de Abril estão a aterrar para participarem no histórico festival Coachella. Em Setembro vem cá meter o rock no sítio. A fórmula é simples e eficaz, no dia Graveyard do Reverence, coisa simples: entre os Black Sabbath e os Rolling Stones, entre os Led Zeppelin e Janis Joplin. Um clássico para o século XXI.

System 7 (UK)

System 7 é um projecto pioneiro de techno, ambient e electronica, dirigido por Steve Hillage e Miquette Giraudy. O projecto foi criado em 1990, na golden age da música de dança no Reino Unido, e resiste ancorado na cultura psicadélica, com toda a legitimidade, uma vez que tanto Steve Hillage como Giruady fizeram parte da formação original dos Gong, mítica banda de Daevid Allen e do krautrock dos anos 70, com quem gravaram os clássicos “Flying Teapot’, “Angel’s Egg” e “YOU”. Vão ser um dos momentos do festival e sintetizar a enigmática proximidade do rock com o universo psy-techno.

Bruto and the Cannibals (PT)

A banda do Reverendo Bruto, personagem mítica da cultura fantasma do rock’n’roll nacional, vem ao Reverence Valada derramar a tónica psycho sobre o psicadelismo. Como os fantasmas não fazem anos de carreira, é contar com outro grande concerto de uma das bandas rock mais espectaculares do panorama atual. The one and only: legendary speed rock from hell!

The Asteroid #4 (US)

Os Asteroid#4 trazem seis albuns e um percurso irregular conduzido pelo asteróide com maior brilho do sistema solar (Vesta), o que acabou por lhes conferir o estatuto de banda de culto. Vem de Filadélfia, são assumidos seguidores de Pete “Sonic Boom” Kember, e do legado Spacemen 3. É para ver, um verdadeiro caleidoscópio psych, krautrock, shoegaze, folk e tambem countryrock (do cósmico)!! Este Asteroid assina pela editora de Anton Newcombe , dos Brian Jonestown Massacre.

Mugstar (UK)

Há um Xamã a anunciar que os Mugstar andam por aí a fritar neurónios, há já demasiado tempo, que são de Liverpool , e lá, o chá tem destas coisas… Há bolachas psicadélicas a acompanhar , o que faz deles o tipo de gajos que ninguem quer ver ir embora da festa. Já foram mais soft, mas agora andam mais rock, e há quem jure a pés juntos que os Mugstar são a “real thing”, a banda mais verde do universo. Krautrock psicadélico, bem pesadinho.

Born a Lion (PT)

Os Born a Lion, power-trio da Marinha Grande, apresentam em 2014 o terceiro album “III”, um disco com o dedo de Chris Common, produtor de Chelsea Wolfe. Andam nisto desde 2006, na escola dos clássicos do rock: dos Led Zeppelin aos Black Sabbath, dos blues e do rawk’n’roll. Conquistaram o lugar no Reverence Festival quando ofereceram ao mundo um dos melhores albuns rock de 2014.

 

Os nomes agora anunciados vêm atualizar um cartaz com perto de 40 bandas, entre as quais: Hawkwind, Electric Wizard, Mão Morta, Red Fang, Psychic TV, Ringo Deathstarr, Black Bombaim, Crippled Black Phoenix, Asimov, Keep Razors Sharp, Swervedriver, Sunflare, The Cosmic Dead, Killimanjaro, White Manna, Exit Calm, The Quartet of Woah!, The Oscillation, Murdering Tripping Blues, Air Formation, The Telescopes, Spindrift, Jibóia, Naam, White Hills, The Wytches, Moon Duo, Sonic Jesus, Black Leather, Process Of Guilt, Woods e One Of These Days and Thee Heavy Tone Colour Lab.

A organização do Reverence Valada promete anunciar brevemente outras bandas a incluir neste cartaz de dois dias, e que conta com três palcos diferentes.

O festival resulta da colaboração entre o colectivo Cartaxo Sessions e a Câmara Municipal do Cartaxo, e vai realizar-se a 12 e 13 de Setembro de 2014, no Parque das Merendas, em Valada do Ribatejo. A estação de comboios mais próxima é Reguengo, a 50 minutos de viagem desde Sta Apolónia, na linha regional. Está assegurada a circulação de autocarros entre Reguengo e Valada durante os dois dias do festival. Vão existir igualmente parque de estacionamento e parque de campismo, adjacentes ao recinto do festival.

Oe bilhetes já estão à venda na nossa bilheteira online.


Ainda não és nosso fã no Facebook?


Mais sobre: Born a Lion, Bruto and the Cannibals, Graveyard, Mugstar, System 7, The Asteroid #4


  • Partilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.