25 Mai 2014 a 1 Jun 2014

Rock in Rio Lisboa apresenta cartaz do Palco Vodafone

Rock in Rio Lisboa apresenta cartaz do Palco Vodafone

A Vodafone e a organização do Rock in Rio-Lisboa, apresentaram esta manhã, num hotel de Lisboa, o programa do Palco Vodafone, uma das novidades da edição 2014 do festival de música que cumpre este ano o 10º aniversário.

Sara Oliveira, Diretora de Marca e Comunicação da Vodafone Portugal , patrocinadora principal do evento, e Roberta Medina, Vice-Presidente Executiva do Rock in Rio, revelaram o cartaz completo do Palco Vodafone, uma das novidades da edição de 2014 do Rock in Rio-Lisboa. Entre as bandas confirmadas estão Wild Beasts, Blood Orange, Silva, Triptides, Bombay Bicycle Club, Linda Martini, Salto, Frankie Chavez, Capitão Fausto e Cais Sodré Funk Connection.

O Palco Vodafone é uma das grandes novidades da Cidade do Rock de 2014, e por ele vão passar os mais recentes talentos da música nova. Em cada dia, o Palco contará com três atuações: um cabeça de cartaz internacional, uma banda portuguesa e ainda uma outra banda selecionada através de um casting a decorrer a partir de hoje e até 20 de abril.

De acordo com Roberta Medina, vice-presidente do Rock in Rio, “esta é a primeira vez que uma marca toma conta de um dos palcos do evento. A Vodafone é a primeira marca a patrocinar um palco do Rock com esta envergadura na Cidade do Rock, e a desenvolver toda a sua programação”.

O processo de inscrição no casting Vodafone Rock in Rio é bastante simples: basta entrar em www.rockinrio.vodafone.pt – Casting Bandas, e preencher o formulário que inclui dados dos integrantes da banda e ainda o link de um vídeo para performance da banda.

Segundo Sara Oliveira, Diretora de Marca e Comunicação da Vodafone Portugal, “acreditamos que o Palco Vodafone terá um indiscutível impacto positivo na divulgação dos mais recentes talentos da música nova, sejam eles de bandas nacionais ou internacionais, aos quais nem sempre são dadas oportunidades para mostrar o seu valor”.

A apresentação terminou com a atuação ao vivo dos Salto um dos nomes que marcará presença no Palco Vodafone.

Salto

Alinhamento do Palco Vodafone

Silva – 25 de maio

Lúcio Silva, mais conhecido por “Silva”, regressa a Portugal para apresentar o seu mais recente trabalho.

Logo após o lançamento de “Claridão”, em outubro de 2012, o músico traz-nos “Vista pro Mar” que, nas palavras do próprio, ”surgiu numa tarde ensolarada em uma piscina – como se fosse um caso de amor adolescente, daqueles que nos rende um ano de dor de cabeça criativa…

E terminar um disco é como reencontrar aquele amor adolescente anos depois, mais velha, mais madura e bonita e pensar: “Acho que vou chamá-la pra sair.”

Cais Sodré Funk Connection – 25 de maio

Apaixonados pelo funk e a soul, os Cais Sodré Funk Connection dedicam-se a recriar o som e o ambiente dos clássicos da Motown, Stax, Chess Records e outras editoras míticas das décadas de 60 e 70, com a dedicação e energia de uma verdadeira celebração.

O grupo de veteranos da música portuguesa, que no conjunto congregam elementos dos Cool Hipnoise, Orelha Negra, Mr Lizard, Afonsinhos do Condado, banda Sam the Kid, Spaceboys, Cacique 97 e Sitiados garante a sabedoria necessária à produção do mais contagiante groove.

Fiéis ao groove e à tradição que vêm a estudar e a recriar regularmente há mais de 2 anos, editam o seu primeiro álbum de originais em Setembro de 2012, “You Are Somebody!”, em simultâneo com o primeiro single vinil 45rpm de funk em Portugal, ao lado da lenda Rickey Calloway, the King of Funk da Florida USA!

Triptides – 29 de maio

Musica homemade, ou seja, criada por Glenn Brigman e Josh Menashe na sua própria casa.

Este duo trabalha em conjunto há já algum tempo e transforma as suas gravações caseiras em espetáculos ao vivo desde 2010.

Os Triptides estão constantemente a criar e a apresentar novas versões da sua música aos seus ouvintes. Atualmente apresentam-se ao vivo com Dylan Sizemore no baixo e Jeff Grant na bateria.

Frankie Chavez – 29 de maio

A música de Frankie Chavez conjuga diferentes tipos de sonoridades, refletindo as influências musicais que ficam das suas viagens. O resultado é um Blues/Folk composto por ambientes limpos e por outros mais crus e psicadélicos. Apesar de se identificarem diferentes influências musicais, (Robert Johnson, Jimi Hendrix, Kelly Joe Phelps, Ry Cooder) é difícil encontrar num único termo a definição para a sua música.

Em 2009 edita “The Search” e participa na banda sonora original de “Pare, Escute, Olhe”, documentário de Jorge Pelicano.

Em Março de 2010 Frankie Chavez lança o seu primeiro EP homónimo e em Janeiro de 2011 termina as gravações do seu primeiro álbum de estreia intitulado “Family Tree” que conta com a participação de alguns convidados, entre os quais o baterista Kalú (Xutos e Pontapés).

Blood Orange – 30 de maio

Devonté “Dev” Hynes também conhecido como “Lightspeed Champion” ou “Blood Orange” é um cantor, compositor, autor e produtor Britânico que já trabalhou com bandas como Florence and the Machine, Diana Vickers e The Chemical Brothers.

Este é o seu projeto mais recente, em que o músico londrino explora a sua faceta mais eletrónica. Em 2013 editou o segundo álbum – Cupid Deluxe, bastante elogiado pela crítica.

As músicas de Blood Orange estão subtilmente niveladas entre a música eletrónica, o pop dos anos oitenta, new wave e R&B.

Salto – 30 de maio

A vida de um músico pode nascer de várias formas, os Salto tiveram a sorte de nascer na mesma família e de desde cedo terem vivido a música em conjunto. Os primos portuenses Guilherme e Luís rapidamente perceberam que juntos poderiam ser uma e em 2006 pisam o palco pela primeira vez.

A 2 de Julho de 2012 editam o primeiro album do qual retiram o single que ainda hoje é um hit “Deixar Cair”, a que se seguiram muitos e muitos espectáculos de Norte a Sul do país.

Wild Beasts – 31 de maio

Os Wild Beasts são uma banda de indie rock inglesa com 4 álbuns editados. Formada em 2002 por Hayden Thorpe e Ben Little – na altura o duo chamava-se Fauve , o termo francês para besta/animal selvagem (wild beast).
Quase dois anos depois juntou-se ao grupo o baterista Chris Talbot , conhecido como “Bert”, que mudou o nome da banda para Wild Beasts. Em Junho de 2004 editam o seu primeiro demo EP homónimo.
O som dos Wild Beasts é épico, grandioso e ambicioso. Senhores de uma de sonoridade muito própria, o ultimo álbum dos Wild Beasts, “Present Tense” é o registo mais eletrónico da banda.

Capitão Fausto – 31 de maio

O grupo é constituído por cinco rapazes de Lisboa que em 2009 começam a sua carreira artística sob outras formas como a pintura, escrita, a composição e interpretação. Da banda fazem parte Manuel Palha (guitarra), Domingos Coimbra (baixo), Francisco Ferreira (teclas), Tomás Wallenstein (voz e guitarra) e Salvador Seabra (bateria).

Depois de se terem estreado com um EP homónimo que os dá a conhecer ao público, a banda estreia-se nos álbuns em 2011 com o disco “Gazela”. O single de abertura, ‘Teresa’, rapidamente se tornou num tema muito aplaudido.

As influências dos Capitão Fausto são muitas mas nota-se a predominância das guitarras. Entre os portugueses que os inspiraram estão os Ornatos Violeta, Peixe:Avião e doismileoito.

Linda Martini – 1 de junho

A banda rock Linda Martini nasceu em 2003. Da sua formação actual fazem parte 4 dos seus 5 membros fundadores – André Henriques, Cláudia Guerreiro, Hélio Morais e Pedro Geraldes.

Desde a edição do primeiro EP, em Janeiro de 2006, que a banda tem sido bastante acarinhada, quer pelo público, quer pela imprensa musical e promotores.

Prova disso mesmo, são as várias distinções de “disco do ano” para os leitores da Blitz, a presença e espaço de antena constantes nos principais veículos de comunicação e a presença assídua nos festivais de grande dimensão e queimas das fitas.

Bombay Bicycle Club – 1 de junho

Os Bombay Bicycle Club vêm do Norte de Londres e nasceram sob a designação de The Canals, sendo o nome atual inspirado num restaurante indiano da região.

Com 4 álbuns editados, o seu mais recente registo “So Long, See You Tomorrow” afasta-os das sonoridades indie-rock que os caracteriza e marca a viragem para uma vertente mais eletrónica do grupo.

A intenção e capacidade de se reinventarem a cada disco é já uma imagem de marca dos Bombay Bicycle Club. O primeiro disco foi claramente direcionado para os apreciadores do indie-rock mais puro, o segundo recebeu inspiração da música folk e o terceiro já mostrava influências da música de dança.

O Rock in Rio-Lisboa 2014

Além do novo palco patrocinado pela Vodafone, o Rock in Rio Lisboa terá ainda outros polos de interesse.

A Vodafone disponibiliza ainda o serviço Vodafone m.Ticket, disponível na app Vodafone Rock in Rio-Lisboa, que permite comprar comodamente o bilhete através de telemóvel e entrar no recinto por uma porta exclusiva, com maior rapidez.

Este ano, a marca vai ainda desenvolver uma abordagem inovadora na construção dos seus espaços dentro da Cidade do Rock, convidando artistas nacionais para revestirem os mesmos com material reutilizado sob o conceito “Vodafone Redcycle”.

Como já é habitual, a Vodafone vai oferecer os famosos sofás insufláveis, e vai voltar a ter o Best Seat – o melhor local para assistir aos concertos, com tratamento especial e uma vista privilegiada para o Palco Mundo.

A Rock Street está de regresso, desta vez com inspiração na Grã-Bretanha e Irlanda. O público vai poder disfrutar de um cenário como o bairro londrino de Camden Town e o irlandês Grafton Street, com artistas de rua também imersos nesta temática.

A Eletrónica, que foi restruturada, apresenta-se agora com a forma de uma aranha robótica em que pilares de 11 metros de altura simulam as suas patas gigantes.

Também de volta está a Street Dance, o espaço cenográfico inspirado em Nova Iorque que pretende levar os diversos estilos de dança urbana à Cidade do Rock.

Continuam também presentes a Roda Gigante e o Slide da Heineken.

O Rock in Rio-Lisboa 2014 realiza-se nos dias 25, 29, 30 e 31 de maio e 1 de junho, no Parque da Bela Vista.

Estão confirmadas as presenças de  Robbie Williams, Ivete Sangalo e Boss AC e Aurea, no dia 25 de maio; dos The Rolling Stones, Gary Clark Jr. e Rui Veloso com Lenine e Angelique Kidjo, no dia 29 de maio; dos Linkin Park, Queens of the Stone Age, DJ Steve Aoki e Capital Inicial, no dia 30 de maio; Arcade Fire, Lorde,  Ed Sheeran e a Homenagem a António Variações com Deolinda, Gisela João, Linda Martini e Rui Pregal da Cunha, no dia 31 de maio; e de Justin Timberlake, Jessie J e Nile Rodgers e Chic, João Pedro Pais, Jorge Palma e Kika no dia 1 de junho.

António Quintas  

Editor-chefe e fundador do filmSPOT.pt. Escriba e comentador no CINEMAX da RTP. Pessoa que escreve. Pessoa que pensa. Pessoa que passa muito tempo sentada.


Ainda não és nosso fã no Facebook?


Mais sobre: Blood Orange, Bombay Bicycle Club, Cais Sodré Funk Connection, Capitão Fausto, Frankie Chavez, Linda Martini, Salto, SILVA, Triptides, Wild Beasts


  • Partilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.