19 Jul 2019 a 21 Jul 2019

HMB em alto e bom som – Balanço de 3 dias de MEO Marés Vivas ‘19

HMB em alto e bom som - Balanço de 3 dias de MEO Marés Vivas ‘19

Depois do cabeça de cartaz Sting se mostrar recuperado e em forma (relembramos que o cantor cancelou concertos anteriores devido a problemas de saúde), foi a vez dos HMB encerrarem os concertos do palco Meo este ano. Despedimo-nos assim, de mais um MEO Marés Vivas que teve das edições mais lucrativas de sempre.

Não é tarefa fácil encerrar as atuações no palco principal, e saber que aquela enchente de gente veio toda para ver e ouvir Sting. Não é igualmente fácil, ter de abandonar um palco por problemas de som como aconteceu aos HMB no EDP Cool Jazz deste ano. E como um azar nunca vem só, algo semelhante aconteceu no MEO Marés Vivas no passado sábado. Mas a banda portuguesa vencedora do Globo de Ouro (2017) com a melhor música: O Amor É Assim, não se deixou intimidar.

Num concerto entusiasmante, puderam contar com a boa resposta e entrega por parte do público. Tanto em canções mais animadas como Feeling (pertencente ao disco Sente de 2014) e canções mais calmas como Peito do disco +(Mais) de 2017.

Balanço de 3 dias de MEO Marés Vivas 2019

Despedimo-nos da 13ª edição deste festival e o balanço continua positivo. O passe geral e os bilhetes para sábado dia 20 de julho esgotaram uma semana antes. Vários caixotes estavam espalhados pelo recinto, facilitando a separação de resíduos corretamente. Cinzeiros portáteis foram distribuídos para evitar a queda de beatas no chão. E o reposicionamento do palco principal cumpriu o propósito: de não se fazer sentir tanto o vento, mas limitou mais o espaço ocupado pela multidão.

A organização estima que estiveram aproximadamente 35 mil pessoas por dia. Contudo, há pequenas coisas a melhorar. As principais queixas nas redes sociais e pelo contacto que tivemos com as pessoas no recinto, é que este precisa de ser alargado para receber tanta gente. Assim como a posição dos WC deve ser repensada, visto estarem entre dois palcos secundários e provocarem um fluxo de gente imóvel na área circundante. Além disso, ainda não foi este ano que as longas filas na alimentação se viram reduzidas. Mas aplaudimos a iniciativa de terem dois atores vestidos de polícias para manter a limpeza do espaço e ensinarem as pessoas a serem mais cívicas.

A organização reconhece que está cada vez mais difícil manter o evento na antiga Seca do Bacalhau e já se fala na possibilidade da mudança de localização, mas ainda sem certezas. A única certeza é que regressam em 2020! E a melhorar estes pequenos/grandes aspetos ou a reduzir o número de bilhetes vendidos (o que não vai ser tarefa fácil pois receberam no total mais de 100 mil pessoas) o MEO Marés Vivas tem tudo para continuar a ser um festival de destaque, não apenas no norte, mas em todo o país.

 

Nota do director

Por decisão da organização o musicfest.pt não foi incluído na shortlist de meios autorizados a fazer reportagem fotográfica da actuação de Sting, razão pela qual decidimos também não fazer reportagem escrita. Sendo esta a 6ª edição ininterrupta do MEO Marés Vivas que cobrimos e divulgamos, ou seja todas as edições desde a fundação do musicfest.pt (e anteriormente horariosfestivais.com), aguardamos uma justificação por parte da organização relativamente a esta decisão.

A Ana Duarte e o Jorge Gomes, equipa presente na edição 2019 deste festival, bem como o director do musicfest.pt, Marco Almeida, dedicam a cobertura desta edição a Pedro Gama, nosso ex-colaborador que entretanto já não está entre nós e que assegurou 4 das 6 edições em que estivemos presentes.

Ana Duarte  

Estudou Línguas, Literaturas e Culturas na Faculdade de Letras da Universidade do Porto. Tem uns pais malucos que a levaram a concertos desde 3 anos e a festivais desde os 9. Passadas mais de 2 décadas, ainda por cá anda... P.S.: Leva o conceito de carpe diem muito a sério.


Ainda não és nosso fã no Facebook?


Mais sobre: HMB


  • Partilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *