“Lotação 136” dos Trêsporcento disponível hoje

"Lotação 136" dos Trêsporcento disponível hoje

Chama-se «Lotação 136» o disco ao vivo dos Trêsporcento, gravado ao vivo na Sala Vermelha do Teatro Aberto em Maio de 2013 e editado pela Azáfama. O disco está agora disponível nas lojas e nos serviços de streaming habituais, bem como no site oficial da banda – www.tresporcento.pt -, onde poderão encontrar ainda o vídeo do «Espero», tema de apresentação do disco, e a foto-reportagem do concerto.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=RWNclCQwNL0] **ADSENSE**

«Lotação 136» foi pensado como um espectáculo de grande comunhão entre o palco e a plateia (de 136 pessoas), como uma homenagem que os Trêsporcento quiseram fazer ao seu público, convidando-o a fazer parte da gravação de um álbum de versões ao vivo das suas canções, num espaço com características cénicas ideais para a cumplicidade procurada. «Lotação 136» é sobre essa metamorfose que o público opera sobre as canções dos Trêsporcento, que ganham uma injecção de energia ao vivo difícil, de captar em estúdio.

O disco é composto por dez temas, que incluem um inédito («Lotação 136») e uma versão de Capitão Capitão («Grande Mentiroso»), bem como temas dos três anteriores registos discográficos da banda – Trêsporcento (EP, 2009), Hora Extraordinária (2011) e Quadro (2012). O disco foi gravado por Miguel Mendes e Manuel Pinheiro e misturado e masterizado por Diego Salema Reis, produtor de longa data da banda, na Islington Arts Factory Studio, em Londres.

A banda tem agendada uma pequena digressão de apresentação do disco, que passará pelo Salão Brazil em Coimbra (9 de Janeiro), pelo Cine-teatro de São Pedro em Abrantes (10 de Janeiro), no âmbito das celebrações do 5º aniversário d’A Certeza da Música, e que culminará numa festa especial de lançamento do disco no Musicbox, em Lisboa (11 de Janeiro) – noite que contará ainda com concertos de Capitão Capitão, Hombres con Hambre e um dj set da Azáfama.


Ainda não és nosso fã no Facebook?


Mais sobre: Trêsporcento

  • Partilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.