20 Ago 2014 a 23 Ago 2014

Novos nomes para Paredes de Coura: Thee Oh Sees, Cheatahs e Mick Turner

Novos nomes para Paredes de Coura: Thee Oh Sees, Cheatahs e Mick Turner

Thee Oh SeesCheatahs e Mick Turner são as novas confirmações no Vodafone Paredes de Coura.

Os Thee Oh Sees, que actuam no dia 22 de Agosto no Voadfone Paredes de Coura, são a mais recente encarnação do compositor e guitarrista John Dwyer, oriundo da cena indie de San Francisco, no activo desde o final dos anos 90. O prolífico Dwyer trabalhou com várias bandas, como os Coachwhips, Pink & Brown, Yikes, Up Its Alive e Swords & Sandals e formou os OCS (acrónimo de Orinoka Bater Suite, Orange County Sound ou qualquer outra coisa que ninguém sabe muito bem definir, provavelmente nem o próprio Dwyer…). Os OCS começaram como um projecto instrumental gravado no estúdio caseiro de Dwyer mas depressa se transformaram numa banda. Assim nasceram os Thee Oh Sees, com Dwyer, Brigid Dawson nas vozes, Petey Dammit no baixo e Mike Shoun na bateria. Em 2007 editaram o primeiro álbum “Suck Blood”. Desde então, o ritmo de edição dos Thee Oh Sees tem ultrapassado a média de um disco por ano: até à data, contabilizam-se 12 álbuns de estúdio, estando previsto, para o próximo mês de Abril, o lançamento de um novo álbum de originais que levará o som garage-punk-pop-experimental dos Thee Oh Sees ao Vodafone Paredes de Coura.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=R44Qh2P7wo0]

No dia 21 de Agosto, os Cheatahs apresentam no Vodafone Paredes de Coura canções que soam a uma fusão do lo-fi dos Dinosaur Jr. com a natureza melancólica de Elliott Smith e que podem ser descobertas em “Extended Plays”, uma colectânea dos primeiros EPs de edição limitada “Coared” e “Sans” e no álbum homónimo, lançado em Fevereiro deste ano.

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=nRM4udVh2PM]

Palco Jazz na Relva recebe a actuação de Mick Turner no dia 23 de Agosto. Guitarrista dos Dirty Three, Mick Turner iniciou a sua carreira a solo em 1997, com o lançamento de “Tren Phantasma”, uma coleção de gravações em quatro pistas, que caracterizam a sua sonoridade contemplativa, a que foram sudecendo diversas edições de Eps e álbuns. Em paralelo, Turner integrou também os Tren Brothers, um duo com Jim White que chegou a acompanhar, enquanto banda de suporte, a tour de Cat Power, com a qual haviam já colaborado no álbum “Moon Pix”.

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=2bFp_zIThYw]

Fonte: Press Release Ritmos


Ainda não és nosso fã no Facebook?


Mais sobre: Cheatahs, Mick Turner, Thee Oh Sees


  • Partilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.