4 Jul 2019 a 5 Jul 2019

VOA confirma Gojira, Moonspell e Cane Hill

VOA confirma Gojira, Moonspell e Cane Hill

Após a confirmação dos norte-americanos SLIPKNOT e SLAYER como cabeças-cartaz da décima edição do VOA – HEAVY ROCK FESTIVAL e ainda dos LAMB OF GOD, TRIVIUM, WHILE SHE SLEEPS, WAKO e RASGO, surge agora o anúncio de mais três nomes de peso a adicionar ao cartaz do evento que se realiza nos dias 4 e 5 de Julho, no Estádio do Restelo, em Lisboa. Aos sete nomes já conhecidos juntam-se os porta-estandartes franceses do metal extremo e cerebral GOJIRA, os incontornáveis MOONSPELL e os menos conhecidos, mas não menos aplaudidos além fronteiras, CANE HILL, que vêm de New Orleans para apresentar o seu mais recente registo de originais, «Too Far Gone» e mostrar que, contra todas as expectativas, já há uma nova geração de músicos apostados em atualizar a sonoridade dos anos 90.

Três anos depois de terem abanado a estrutura do Hard Club, no Porto, os irredutíveis gauleses liderados pelos carismáticos irmãos Joe e Mario Duplantier, vão subir ao palco do VOA – HEAVY ROCK FESTIVAL. Quase vinte anos de carreira e cinco álbuns depois de terem dado os primeiros passos, não há mesmo como negá-lo: os GOJIRA tornaram-se um dos nomes mais emblemáticos e reverenciados de que há memória durante a última década no espectro da música extrema. Apoiado numa forte mensagem ecológica, não só extremamente relevante como singular no género em que se inserem, o quarteto francês já provou ser capaz de escrever música com potencial para agradar a uma ampla faixa de fãs. É por isso que, misturando as raízes underground com um apelo mainstream que já levou os levou a todos os grandes eventos do género, se afirmam hoje como uma das bandas mais universalmente aplaudidas por uma legião transversal de seguidores.

Ainda no rescaldo do bem sucedido «1755», que marcou o primeiro registo conceptual e totalmente cantado em português da sua carreira, os MOONSPELL aterram em estado de graça na décima edição do VOA – HEAVY ROCK FESTIVAL. Por esta altura já ninguém se atreve a questionar a validade da mais internacional das bandas portuguesas, mas se dúvidas restassem, o disco de 2017, tratou de desvanecê-las, coadjuvado por uma apoteótica tour de comemoração do primeiro quarto de século de carreira. Depois de ter corrido o mundo para tocar em salas esgotadas um pouco por todo o lado, a banda de Fernando Ribeiro, Pedro Paixão, Ricardo Amorim, Aires Pereira e Mike Gaspar regressa a Lisboa para tocar pela primeira vez no Estádio do Restelo, a casa d’Os Belenenses, que comemoram em 2019 o centenário do clube.

Inspirando-se em Pantera, Slipknot e Marilyn Manson, os CANE HILL vêm do profícuo cenário underground de New Orleans e juntaram-se em 2011, tendo lançado um EP de estreia quatro anos depois. Em 2016, já com alguma curiosidade à volta do nome, editam então o primeiro álbum, intitulado «Smile». Se o EP de 2015 se tinha revelado um registo tecnicamente proficiente, mas com influências descaradas de Dope ou Mudvayne, em «Smile» os músicos liderados pelo vocalista Elijah Witt seguiram uma abordagem mais industrial, reminiscente de nomes como Rob Zombie e Static-X, tudo condimentado por uma estética muito própria do shock rock. O segundo álbum, «Too Far Gone» foi editado a 19 de Janeiro de 2018 e permitiu-lhes fazerem as primeiras digressões em nome próprio. Agora, a estreia em Portugal, no VOA – HEAVY ROCK FESTIVAL, é aguardada com expectativa redobrada.

Os bilhetes para o evento custam 75€ (passes) e 50€ (bilhete diário), e já estão à venda nos locais habituais.

 

Fonte: Press Release


Ainda não és nosso fã no Facebook?


Mais sobre: Cane Hill, Gojira, Moonspell


  • Partilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *