A febre Mendes – reportagem no concerto de Shawn Mendes no MEO Arena

A febre Mendes - reportagem no concerto de Shawn Mendes no MEO Arena

A Sofia Felgueiras e o João Salema estiveram no MEO Arena para vibrar (e gritar?) com uma sala cheia de fãs… do Shawn Mendes, pois claro! Um jovem que conta com uma igualmente jovem carreira pontuada por alguns hits – e com uma costela portuguesa! Espreitem as fotografias do João, aqui.

James Taylor-Watts, mais conhecido por James TW, foi o responsável por fazer o aquecimento de uma plateia sedenta pela música de Shawn Mendes. O cantor e compositor nascido em Barford, Reino Unido, acompanha Shawn nas datas europeias desta tourWhen You Love Someone é o nome do tema que todos sabem de cor.

Shawn Mendes, o cantor luso-canadiano, pisou pela segunda vez os palcos nacionais e lotou o MEO Arena de gritos, boa disposição e de fãs dispostas a mover o mundo por ele. A The Illuminate Tour brilhou e encantou e vai continuar a fazer sucesso pela Europa até 2 de Junho.

Ainda não tinha o jovem artista pisado o palco, já a arena de concertos estava inundada de fãs a gritarem “És lindo”, “Quero ser tua”, “Shawn, ninguém te pára!”. E não pára mesmo. Não foi por acaso que o concerto foi aberto com o tema There´s Nothing Holdin´ Me Back. E eram de todas as idades as pessoas que sabiam as letras de cor. Os pais riem-se e ficam felizes com o entusiasmo dos mais novos e as verdadeiras fãs preparam-se para maratonas atrás do seu ídolo, para onde quer que ele vá. A loucura está espalhada.

São apenas 18 anos, no entanto, o talento é inegável e a maturidade em palco, também. Os seus temas reflectem as suas experiências, toca guitarra e piano, e a sua doce timidez é cartão de visita. Uma hora e meia muito bem passada.

O fenómeno é tal, o histerismo inegável que: ele bebe água, elas gritam. Ele respira, elas gritam mais. Foram várias as meninas da team Mendes que acamparam à porta do recinto nos dias anteriores, que cantaram repetidamente as letras nas horas anteriores e as que davam tudo para estar ainda mais à frente do que estavam.

O espetáculo contou com dois palcos, por onde se repartiram os temas. O palco principal passava uma história gráfica, de forma contínua, em tons de azul e preto, no desenrolar das músicas. Ao centro, estava um pequeno palco com piano e o globo de luz da Illuminate Tour, a dar ainda mais brilho à sala, onde também eram projectados desenhos.

Stitches foi o primeiro boom elevado da noite. Talvez por ter sido um dos temas que melhor apresentou o cantor ao público português, há quase dois anos. Naquela sala, poucas eram as pessoas que não sabiam este enérgico e viciante tema de cor.

Shawn apresentou-se contente por estar a pisar solo português e não deixou de contar algumas histórias. Confessou a gratidão por poder estar a fazer aquilo de que mais gosta. Fez uma reflexão sobre o poder daquilo que é a música: “algo que nos ajuda a superar tempos difíceis, como alguns que já vivi, e escrever as minhas canções foi uma forma de canalizar energias e ultrapassar aquilo que me fazia mal”. Do seu quarto, para o MEO Arena, as suas composições líricas levaram-no a conquistar o universo feminino.

Outro dos temas que despertou as vozes mais tímidas foi Bad Reputation. Uma canção muito especial para as fãs, apelando a valorização feminina, porque todas as meninas têm o seu valor. E quem melhor do que o jovem Shawn para valorizar as suas imparáveis fãs?!

Para o palco do meio, uma das suas escolhas foi a sua versão de Castle on the Hill, de Ed Sheeran. Deslocou-se de um palco para o outro acompanhado de oito seguranças e olhando de cima, só se viu uma movimentação massiva de fãs a correrem na sua direcção.

A sala estava dividida entre uma ala de luzes verdes, a plateia com leds amarelos e a outra ala com luzinhas vermelhas. Uma prendinha simpática que estas meninas prepararam para o seu adorado artista. Também dava para ler os cartazes com a frase “Let it grow”, uma das frases do tema Roses.

A noite não podia ter terminado de melhor forma: Shawn Mendes enrolou a bandeira portuguesa às costas e cantou o aguardadíssimo tema Treat You Better. Pelas fãs, ele ficava ali garantidamente a noite inteira. Ficam no ar as palavras “Portugal, Portugal” e a certeza de que para estas mais de 10 000 fãs o MEO Arena podia ainda ser maior, que elas continuariam a multiplicar-se.

Edição de Joana Rita 


Ainda não és nosso fã no Facebook?


Mais sobre: James TW, Shawn Mendes

  • Partilhar:

Sofia Felgueiras  

Diz que é jornalista, curte de apresentar televisão e ainda acredita em magia. Aquela criança histérica que vai conhecer todos os artistas. "Gotta Catch'em all!".

Também te pode interessar…

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *