Estado de saúde de Charles Bradley leva ao cancelamento de digressão mundial

Estado de saúde de Charles Bradley leva ao cancelamento de digressão mundial

O músico norte-americano anuncia o cancelamento da digressão mundial devido ao agravamento do seu estado de saúde. Depois de lhe ter sido diagnosticado um cancro no estômago, no outono passado, Charles Bradley concentrou-se no tratamento da doença e na Primavera regressou aos palcos. Recentemente, o músico voltou a sentir-se cansado após os concertos e os médicos descobriram que o cancro se tinha alastrado ao fígado, apesar de já não estar no estômago. Uma vez mais, Charles Bradley vai retirar-se para cuidar da sua saúde, mas o músico fez saber que apesar de se sentir destroçado, não vai desistir. Ele conseguiu vencer o cancro no estômago e está pronto para mais esta nova batalha.

Amo-vos, a todos que fazem os meus sonhos se tornarem realidade. Quando voltar, vou voltar mais forte, com o amor de Deus. Se Deus quiser, volto em breve

escreve Charles Bradley no comunicado oficial de cancelamento da digressão mundial.

Aos 68 anos, o cantor de soul e funk tinha o regresso a Portugal agendado para dia 23 de Novembro, no Coliseu do Porto, e posteriormente actuaria no Vodafone Mexefest. Concertos muito aguardados, após a passagem por Portugal no EDP COOL JAZZ, em 2013, no festival NOS Primavera Sound, em 2014, e no Vodafone Paredes de Coura, em 2015.

Na bagagem, o músico trazia o terceiro álbum de originais, “Changes”, considerado pela crítica como um dos melhores de 2016.

A agência do músico em Portugal, Ao Sul do Mundo, informou que “os portadores de bilhetes para o concerto no Coliseu do Porto serão reembolsados a partir de amanhã, nos locais onde foram adquiridos“. Uma vez mais, a Ao Sul do Mundo lamenta profundamente o agravamento do estado de saúde de Charles Bradley e deseja as rápidas melhoras ao músico que tanto carinho conquistou dos portugueses.

Agora é tempo de combater a doença, novamente. Acreditamos no sucesso do tratamento e na capacidade de luta do artista, que esperamos poder trazer novamente a Portugal

conclui Luís Viegas, responsável da Ao Sul do Mundo.

A Música no Coração informa também em press release que quem pretender a devolução do seu bilhete deverá solicitá-la junto do ponto de venda onde o adquiriu, no prazo de 30 dias a partir de amanhã, dia 7 de setembro, até ao dia 6 de outubro.

 

Fonte: Press Release


Ainda não és nosso fã no Facebook?


Mais sobre: Charles Bradley

  • Partilhar:

Também te pode interessar…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *