Altar Deluxe Edition dos The Gift, incluindo remixes, disponível a 30 de Novembro

Altar Deluxe Edition dos The Gift, incluindo remixes, disponível a 30 de Novembro

Altar Deluxe Edition, disponível nas lojas a partir de 30 de novembro num exclusivo FNAC, marca o fim de um dos ciclos mais marcantes dos Gift, que começou no verão de 2016 com o lançamento de “Love Without Violins”, e termina agora nas pistas de dança com o lançamento de ALTAR Remixes com 12 remixes originais criadas por vários artistas e produtores nacionais e internacionais a quem foi dada total liberdade artística.

Esta edição o disco ALTAR, marco na carreira dos Gift com produção e co-composição de Brian Eno, um disco inédito com 12 remixes de ALTAR e outras canções da carreira da banda feitos por artistas e produtores nacionais e internacionais, um livro de 32 páginas com seleção de conteúdos e design da Rita Carmo – The Story Behind Altar – com fotos exclusivas que ilustra todo o processo de gravação e produção do disco assim como o percurso da banda por várias salas ao vivo, e um poster com a foto do australiano Joel Birnie que inspirou a capa do disco.

Fazer um álbum de remisturas com este ALTAR é também agarrar uma oportunidade de fechar o ciclo daquele que foi um disco marcante na nossa vida. Com estas remisturas chegamos a outros públicos, a outras pistas… Dançando fechamos um ciclo

comentam os Gift sobre esta edição.

Os Gift prepararam três sessões de apresentação desta nova edição – ALTAR Deluxe Edition – nas quais, além de contarem a história dos últimos dois anos da sua carreira associados ao disco ALTAR, interpretam, ao vivo, canções menos conhecidas da sua carreira. Um género de B-Side Sessions, seguido de uma sessão de autógrafos. Estas sessões acontecem nos dias 30 de NOV – FNAC Colombo, 08 de DEZ – FNAC Coimbra e 14 de DEZ – FNAC Norteshopping.

As músicas que fazem parte do álbum ALTAR foram, misturadas e remisturadas dezenas de vezes desde o inicio até ao final do disco. Trabalhar com Brian Eno é também isso, ter dezenas de versões de cada canção. A canção do ponto de vista melódico, harmónico até pode não mudar, mas a estética, o desenho rítmico, os sons, os efeitos, as estruturas, as Batidas por Minuto, tudo isso muda numa canção e ter Eno ao leme é quase regra obrigatória. Remisturar é sobretudo dar outra vida. Dar vida.

complementam os Gift.

Fonte: Press Release


Ainda não és nosso fã no Facebook?


Mais sobre: The Gift

  • Partilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *